30 março, 2011

Porto privado terá investimentos de R$ 2,3 bilhões

O Porto de Santos deverá ter a capacidade triplicada de acordo com os planos do governo federal de investir R$ 1,5 bilhão até 2014, mas a operação portuária deverá ficar ainda maior graças aos projetos privados que estão sendo tocados na Baixada Santista. O Embraport é um deles.

A construtora Norberto Odebrecht e a Global Port World, empresa pertencente à autoridade portuária de Dubai, iniciaram a implantação do Embraport em agosto de 2006. A construção do terminal portuário em si começou na virada de 2007 para 2008. São 803 mil metros quadrados, divididos em três grandes áreas, localizados no Guarujá, uma das cidades da Baixada Santista. O acesso ao terminal é feito pela rodovia Piaçaguera-Guarujá. “Em outubro do ano passado, a construção foi intensificada e estamos a todo o vapor”, avisa Regina Tonelli, gerente de qualidade do Embraport. A previsão é de que a primeira fase do terminal comece a operar em 2013.

Segundo Regina, as áreas são separadas por um rio e por uma ferrovia. Na área norte ficará a administração, o acesso e os portões; na central, haverá um pátio ferroviário e um armazém de carga; enquanto na sul será construído o cais de 1.100 metros, dois píeres para líquidos, tancagem para líquidos e um espaço para atividades retroportuárias de 340 mil metros quadrados, para armazenamento de cargas em geral.

Clique aqui e veja a notícia na íntegra.

Postado por: NewsComex - Comércio Exterior e Logística

Nenhum comentário: