20 julho, 2010

Jundiaí e o trem de alta velocidade


A Associação Brasileira de Empresas e Profissionais de Logística (ABEPL) há tempos discute e articula, junto a Brasília, a parada do trem de alta velocidade - TAV na região de Jundiaí. O edital para licitação, lançado esta semana, prevê além das estações obrigatórias (no centro do Rio de Janeiro, aeroporto do Galeão, Aparecida, Guarulhos, centro de São Paulo, aeroporto de Viracopos e centro de Campinas) outras duas paradas opcionais, uma em Jundiaí e outra em Resende.

Desta maneira, ainda há a possibilidade do município hospedar uma estação. O presidente da Associação, Luciano Rocha, comenta que a curta distância entre Campinas e Jundiaí talvez descaracterize a essência do projeto, que é a alta velocidade. “No entanto, temos os acessos necessários para acompanhar a evolução do projeto”, aponta a o dirigente.

Clique aqui e veja a notícia na íntegra.

Postado por: NewsComex - Comércio Exterior e Logística

Nenhum comentário: