08 junho, 2010

Para EUA, o B dos Brics tem menos importância

Na semana passada, o presidente Barack Obama anunciou que visitará a Índia em novembro. A Rússia e a China ganharam visitas oficiais de Obama no ano passado. Ou seja, dos chamados Brics, ele só não visitou o Brasil. E não há previsão para isso.

Na realidade, o Brasil nem é parte dos Brics, para o governo americano. Uma leitura cuidadosa da Estratégia de Segurança Nacional americana, divulgada há dez dias, mostra que os EUA sempre agrupam Rússia, Índia e China, os "centros-chave de influência", enquanto o Brasil aparece ao lado de Indonésia e África do Sul , "países de influência crescente". "Algumas relações bilaterais ? como as dos EUA com China, Índia e Rússia ? serão críticas para construir cooperação mais ampla em áreas de interesse mútuo", diz a estratégia, sem mencionar o B dos Brics. Enquanto o Brasil é "parceiro importante", a Índia tem "parceria estratégica", e a relação com a China "é essencial para abordar os grandes desafios do século 21".

Clique aqui e veja a notícia na íntegra.

Postado por: NewsComex - Comércio Exterior e Logística

Nenhum comentário: