25 junho, 2009

Preço do gás natural vai baixar em Minas

O preço do gás natural vendido no estado pela Companhia de Gás de Minas Gerais (Gasmig) vai sofrer nova redução a partir de 1º de julho, informou quarta-feira o diretor-financeiro da empresa, João Luiz de Senra Vilhena. O percentual de reajuste negativo, porém, só será informado no último dia do mês pelo governo de Minas. Será a segunda redução de preços no ano. A primeira ocorreu em 1º de abril e variou entre 10,1% e 12,7%, conforme a classe de consumidores do produto. Na ocasião, a indústria foi beneficiada por uma redução de 11,6% nos preços, enquanto as tarifas de uso geral caíram 10,1%. Fiat, Gerdau Açominas e Vallourec&Mannesmann estão entre os principais clientes industriais que utilizam gás natural no estado.

Em janeiro deste ano, a Gasmig, que tem como sócio controlador a Cemig e como minoritário a Petrobras, reajustou os preços das tarifas de gás para a indústria em 2,9% e para o GNV em 2,1%. As tarifas são reajustadas a cada três meses. O contrato de fornecimento entre a companhia e a Petrobras prevê a entrega de 1,9 milhão de metros cúbicos por dia. Um milhão de metros cúbicos, provenientes da Bacia de Campos (RJ), têm reajuste trimestral. Ultrapassando esse limite, os preços seguem as correções para o gás boliviano, que têm como base a cesta de óleos e sofrem grande influência da cotação do dólar.

Clique aqui e veja a notícia na íntegra.

Postado por: NewsComex - Comércio Exterior e Logística

Nenhum comentário: