11 março, 2009

Mesmo com açúcar em alta, aporte menor prejudica usinas

Mesmo com a aceleração dos preços do açúcar, o setor sucroalcooleiro terá um difícil ano pela frente, marcado pela redução dos recursos destinados às indústrias. Prova disso é que o total de investimentos nas usinas em 2009 será de R$ 7 bilhões, ou seja, 40% menor do que em 2007 e 2008, quando foram aplicados R$ 12 bilhões no setor.

Para Marcos Françoia, diretor da MBF Agribusiness, na safra 2009/2010 o fator financeiro também será empecilho para garantir a qualidade da matéria-prima, pois as empresas devem reduzir investimentos em tratos culturais. Em relação à moagem, esta poderá ser comprometida em razão da diminuição do período para reforma das unidades, provocada pela falta de capital de giro. O consultor avalia que emendar a safra acaba sendo um prejuízo para as empresas. "Algumas [companhias] alegam que o procedimento é uma estratégia de gestão, mas não é verdade porque se invade um período de maturação em que a qualidade da cana é ruim, o período de chuvas dificulta a retirada, além de acumular impurezas que prejudicam a linha de produção", disse.

Na análise de Françoia, as empresas que emendaram a moagem pretendiam gerar caixa, mas não calcularam o tamanho da perda. "Elas optaram por prorrogar a necessidade de caixa com relação a férias de funcionários e a rescisão do safrista em dezembro, então continuaram moendo uma quantidade de cana mesmo que esteja tendo prejuízo", avalia.

Clique aqui e veja a notícia na íntegra.

Postado por: NewsComex - Comércio Exterior e Logística

Nenhum comentário: