23 março, 2009

Ferrovia pode reduzir custo do agronegócio em Mato Grosso

Com a redução estimada em 30% para o custo de transporte dos produtos do agronegócio de Mato Grosso para a Ásia, empresários peruanos das empresas mineradoras Mapsa e Noraustral apresentaram nesta semana ao presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae/MT, secretário de Indústria, Comércio, Minas e Energia Pedro Nadaf, o projeto para captar frete para uma ferrovia privada a fim de interligar o porto de San Juan de Marcona, no litoral do Peru, a Porto Velho (RO) e Mato Grosso.

A instituição incentiva o acesso de empresas brasileiras ao comércio exterior por meio do Projeto Mercado de Fronteira, que reúne os Estados de Mato Grosso, Rondônia e Acre.

O presidente da Mapsa, engenheiro Fernando Bayona Peláez, informa que os “custos se reduzem em um terço porque o trecho entre San Juan e Cusco, no Peru, já têm financiamento”. O executivo citou a possibilidade de a ferrovia estar disponível em 2012 para o transporte a granel.

Clique aqui e veja a notícia na íntegra.

Postado por: NewsComex - Comércio Exterior e Logística

Nenhum comentário: