16 dezembro, 2008

Rodovia impulsiona os negócios

O avanço das obras da RSC-471 no eixo sul começa a trazer reflexos comerciais com a abertura de novos empreendimentos à beira do asfalto, para oferecer aos usuários os serviços básicos e de logística. Com experiência no ramo de combustíveis em Porto Alegre, a família Franck percebeu que investir no setor em Encruzilhada do Sul poderia trazer retorno devido ao aumento no movimento. Michele Amaral conta que o sogro visitava há 20 anos o município e viu as mudanças ao longo da rodovia.

O posto com a bandeira Petrobrás começou a funcionar em abril de 2005, a seis quilômetros de Encruzilhada do Sul, em direção a Pantano Grande. No local também há restaurante, borracharia, balança e pousada para motoristas. Michele afirma que o movimento desde o início do ano cresceu entre 20% e 30%, em função dos caminhões que passaram a usar o trajeto para os deslocamentos entre a região e o Sul do Estado, apesar da necessidade de percorrer um desvio de 24 quilômetros na área da variante ambiental, nas proximidades da ponte sobre o Rio Camaquã.

Michele Amaral deixou Porto Alegre com a família para morar em Encruzilhada do Sul e dirige o posto ao lado de Jeferson, Patrick e Sérgio Franck. O sogro segue com as atividades no posto de gás na Capital. Ela afirma que os investimentos ainda não trouxeram retorno. Mas diz que a expectativa é de aumento de 80% nos negócios com a conclusão do eixo sul da RSC-471. Conforme Michele, a inauguração das últimas obras no trajeto traz grande esperança para o crescimento comercial.

Clique aqui e veja a notícia na íntegra.

Postado por: NewsComex - Comércio Exterior e Logística

Nenhum comentário: