12 novembro, 2008

Coréia do Sul vira prioridade para exportadores de carne

Os frigoríficos exportadores esperam fortalecer sua presença na Ásia em 2009, contando com a abertura do mercado da Coréia do Sul para a carne bovina industrializada, além de acreditarem na resolução dos entraves em torno dos embarques do produto in natura para a China. Cinco plantas exportadoras obtiveram habilitação do governo chinês para a comercialização direta em 2008, porém não estão sendo liberadas as licenças de importação.

Somadas essas expectativas com as da recuperação do mercado europeu e a reabertura do Chile, os exportadores de carne bovina acreditam que no próximo ano as vendas possam ficar em patamares superiores ao do faturamento projetado para 2008, que é de US$ 5,7 bilhões - US$ 1,2 bilhão a mais em comparação à receita de 2007.

"Considerando que a recuperação do mercado europeu é um grande objetivo para 2009, não seria impossível ampliarmos nossas vendas em US$ 1,5 bilhão no ano que vem", disse ontem Roberto Gianetti da Fonseca, presidente da Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carne (Abiec).

Clique aqui e veja a notícia na íntegra.

Postado por: NewsComex - Comércio Exterior e Logística

Nenhum comentário: