11 novembro, 2008

Bahia iniciará pólo com estaleiro de US$ 400 mi

O projeto de um pólo da indústria naval na Bahia começa a sair do papel. Com a constituição da joint-venture Estaleiro da Bahia S.A, a OAS, Setal e Piemonte Investimentos vão investir US$ 400 milhões para a construção de um estaleiro com a finalidade de produzir sondas de perfuração, plataformas de produção, navios de apoio a operações offshore enNaval (PSV e AHTS) e petroleiros em Maragogipe, no Recôncavo Baiano, às margens da Baía de Todos os Santos.

A meta é iniciar a operação em 2010. A Odebrecht também já assinou protocolo de intenções com o governo estadual e pretende instalar outro equipamento na região. Segundo o secretário de indústria, comércio e mineração, Rafael Amoedo, estão avançadas as negociações com uma terceira empresa e o total de investimentos previstos é da ordem de US$ 1 bilhão no Pólo.

Na avaliação de Amoedo, a Baía de Todos os Santos apresenta características geográficas especialmente propícias à instalação tanto de estaleiros, como de canteiros industriais offshore por dispor de áreas costeiras com águas protegidas e profundas. Segundo ele, pela característica de intensivo em mão-de-obra, o novo pólo deverá gerar 10 mil empregos . "Para a operação de um dique seco, tanto para a construção de plataformas offshore ou para construção de navios graneleiros de grande porte, são gerados milhares de empregos diretos", diz.

Clique aqui e veja a notícia na íntegra.

Postado por: NewsComex - Comércio Exterior e Logística

Nenhum comentário: