15 outubro, 2008

Países emergentes devem agir juntos contra crise

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou hoje que os países emergentes, como Brasil, Índia e África do Sul, devem agir conjuntamente se não quiserem "ser arrastados" pela crise financeira internacional. Em seu discurso de abertura da 3ª Reunião de Cúpula do Ibas (grupo político que reúne Brasil, Índia e África do Sul), em Nova Delhi, ele avaliou que medidas isoladas, de cada país, não são suficientes para resguardar seus interesses nacionais.

Lula disse que é "inadmissível" que os países em desenvolvimento "paguem pela irresponsabilidade de especuladores" financeiros. "Corremos o risco de ser vítimas de uma crise financeira gerada nos países ricos. Isso não é justo. Nossos países reconstruíram suas economias com grande esforço. Graças a isso, vivem uma fase excepcional de expansão e de equilíbrio macroeconômico. É inadmissível, assim, que venhamos a pagar pela irresponsabilidade de especuladores que transformaram o mundo em um gigantesco cassino", afirmou.

Clique aqui e veja a notícia na íntegra.

Postado por: NewsComex - Comércio Exterior e Logística

Nenhum comentário: