14 outubro, 2008

P-53 está em processo de ancoragem no Campo de Marlim Leste

A plataforma de extração e tratamento de óleo P-53, a primeira construída em Rio Grande, chegou ao Campo de Marlim Leste, na Bacia de Campos (RJ), na última sexta-feira. Atualmente, encontra-se em processo de ancoragem no local em que atuará - a 120 quilômetros da costa, a uma profundidade de 1.080 metros. Esse processo deverá se estender por um período de 15 a 30 dias, dependendo das condições climáticas (de mar e vento), segundo informações do gerente de construção e montagem da P-53, Edmilson Medeiros, da Petrobras. Após, terá início a conexão das tubulações que a ligam aos poços. Conforme Medeiros, assim que for concluída a ligação com o primeiro poço, ela entra em produção.

A P-53 deixou o Porto do Rio Grande no último dia 2 e foi para o Campo de Marlim Leste puxada por dois rebocadores oceânicos - o Helper e o Turqueza, pois a plataforma não tem propulsão própria. A Quip S/A tem 30 trabalhadores embarcados na plataforma, uma vez que dará assistência à unidade durante os seis primeiros meses de operações. A plataforma vai contribuir significativamente para a manutenção da auto-suficiência do País na produção nacional de petróleo, pois tem capacidade para produzir 180 mil barris de óleo por dia e de comprimir 6 milhões de metros cúbicos de gás por dia. A produção de óleo será escoada para terra por meio da plataforma de rebombeio autônoma PRA-1.

Clique aqui e veja a notícia na íntegra.

Postado por: NewsComex - Comércio Exterior e Logística

Nenhum comentário: