29 outubro, 2008

Lista da UE segue em ritmo lento

Oito meses após a reabertura do mercado europeu à carne bovina brasileira, a lista de propriedades aptas a exportar para o bloco pouco cresceu. A primeira relação, aprovada em fevereiro, tinha apenas 106 propriedades. Até a semana passada, eram 489 fazendas na lista oficial, como constava no site da União Européia (UE). É pouco mais de 10% do número de fazendas aprovadas no Serviço Brasileiro de Rastreabilidade da Cadeia Produtiva de Bovinos e Bubalinos (Sisbov), do Ministério da Agricultura, que tem cerca de 4.300 propriedades cadastradas.

O coordenador-geral do Sisbov, Naor Maia Luna, explica que no primeiro semestre a lista ficou parada porque o ministério e as secretarias estaduais de agricultura estavam treinando técnicos para fazer as auditorias conforme as exigências da UE. Mas, a partir de agosto, o processo ficou mais ágil. "Estamos incluindo cerca de 40 propriedades por semana", diz. "Embora o número de fazendas auditadas seja maior, nem todas conseguem ser habilitadas."

Clique aqui e veja a notícia na íntegra.

Postado por: NewsComex - Comércio Exterior e Logística

Nenhum comentário: