30 outubro, 2008

Agronegócio baiano sofre efeitos da crise mundial

Os produtores baianos sentem os efeitos da crise mundial que começou nos Estados Unidos. Além da redução do financiamento, a variação do dólar prejudica as exportações. O setor do agronegócio já começou a demitir funcionários.

A Bahia é responsável por 59% do que é exportado pela região Nordeste e os números mostram essa força.

De janeiro a setembro de 2007, as exportações baianas passaram dos R$ 5 bilhões. Este ano, no mesmo período, foram quase R$ 7 bilhões, mas ainda não é possível saber se com a crise mundial, esse crescimento vai se repetir no próximo ano.

Muitos exportadores estão apreensivos. Na região Norte, onde a safra atual de frutas já foi vendida para Europa e Estado Unidos, alguns contratos para o financiamento da próxima produção ainda não foram renovados pelos bancos.

Clique aqui e veja a notícia na íntegra.

Postado por: NewsComex - Comércio Exterior e Logística

Nenhum comentário: