17 setembro, 2008

Estudo prevê que preço do barril cairá a US$ 70

Até 2015, o barril do petróleo tipo Brent, de referência na Europa, deverá custar entre US$ 70 e US$ 75. A redução do preço no mercado internacional será por causa da desaceleração do crescimento da demanda mundial de petróleo, aliada à expansão da produção. A conclusão é de um estudo da Empresa de Pesquisa Energética (EPE). Ontem, o preço do barril do petróleo Brent fechou em baixa, cotado a US$ 89,22, com uma diferença de US$ 3,16 em relação ao dia anterior. Em julho, o preço do barril ultrapassou os US$ 147.

De acordo com a EPE, o ritmo do crescimento da demanda mundial de petróleo verificado nos últimos anos vai diminuir por causa da desaceleração do crescimento econômico mundial e pelas perspectivas de impacto das políticas de substituição e de eficiência sobre a demanda de petróleo. "Espera-se ainda que o movimento de redução dos subsídios reduza a intensidade da taxa de crescimento da demanda de petróleo nos países em desenvolvimento", diz o estudo.

Também deverá haver um maior potencial de produção de óleo no longo prazo, motivado principalmente pelos preços altos. Além disso, o aumento da capacidade ociosa da Arábia Saudita terá como conseqüência a diminuição da sensibilidade dos preços de petróleo aos movimentos especulativos e a eventos negativos geopolíticos. A EPE projeta uma redução da demanda especulativa nos próximos anos, por causa da recuperação do valor do dólar, que deve acarretar uma menor posição em petróleo nas aplicações financeiras.

Clique aqui e veja a notícia na íntegra.

Postado Por: NewsComex - Comércio Exterior e Logística

Nenhum comentário: